Rádio Metropolitana Manaus

Notícias

População reclama para o pré-candidato Roberto Cidade sobre a má qualidade da assistência básica de saúde e a falta de creches em Manaus

População reclama para o pré-candidato Roberto Cidade sobre a má qualidade da assistência básica de saúde e a falta de creches em Manaus

Pré-candidato à Prefeitura de Manaus, Roberto Cidade (UB) esteve na noite de segunda-feira (10), em bairros da zona Centro-Sul da capital para apresentar compromissos de seu Plano de Governo e escutar demandas da população. O pré-candidato participou também do lançamento das pré-candidaturas a vereador de Neto Alho (PRD) e Tio Vicente (UB).

À população, Cidade falou sobre segurança, assistência social, saúde, educação e infraestrutura. O pré-candidato, gestor da iniciativa pública e privada, chamou atenção ao fato de Manaus ser a única entre as 10 maiores capitais do país a não possuir pronto-socorro municipal, sobrecarregando a assistência de média e alta complexidade.

“Manaus não tem pronto-socorro municipal porque a gestão do município não quis assumir como deveria a atenção básica. Hoje, se o seu filho sente uma dor de barriga, uma febre ou precisa de ponto, ele tem que buscar atendimento no pronto-socorro estadual, que recebe acidente de trânsito, tiro e outras ocorrências mais graves. Isso ocorre porque o município abriu mão de receber R$ 700 milhões ao ano, porque Manaus não possui Unidade de Pronto Atendimento. Não possui nenhuma unidade com funcionamento 24 horas. Na nossa gestão será diferente”, afirmou.

É compromisso de Cidade instalar, em quatros anos, 12 Unidades de Pronto Atendimento (UPA) em todas as zonas de Manaus, com consultas, exames e medicamentos, e funcionamento 24 horas por dia.

Falta de creches

No Parque das Nações, além de reclamar de falta de assistência básica de qualidade, os moradores reclamaram da falta de creches. Conforme o pré-candidato a vereador, Tio Vicente, a demanda por creches e pela expansão das Unidades Básicas de Saúde (UBS) em bairros da zona Centro-Sul são demandas antigas e nunca atendidas.

“Nos prometeram creche e passados quase 4 anos dessa gestão isso nunca aconteceu. Também pedimos para colocarem pelo menos mais UBS aqui nessa zona, que compreende tantos bairros, mas isso nunca aconteceu. Hoje, só temos a UBS da Nilton Lins e ela é insuficiente pra atender a nossa demanda. Estamos cansados de sermos deixados pra depois. Nossas comunidades precisam de alguém que respeite o cidadão e eu tenho certeza de que você, Roberto Cidade, é o mais qualificado”, declarou.

Moradora da bairro Flores e mãe de uma criança de 5 anos, Josielle Marques, 30, falou da dificuldade de não ter onde deixar sua filha para que possa trabalhar com tranquilidade. “Eu só consigo ser manicure e ganhar algum dinheiro porque levo a minha filha comigo. Não tem creche. Queria poder deixar ela na escolinha e trabalhar sem preocupação, mas infelizmente não é assim que acontece. Peço ao nosso pré-candidato que olhe por essa nossa necessidade”, falou.

Talvez você goste também